EVENTOS

9º Congresso Rodoviário Português

Início: Terça-feira, 28. maio 2019
Fim: Quinta-feira, 30. maio 2019
Local : LNEC, Lisboa, Portugal

crp2018

 

O Centro Rodoviário Português (CRP) e a Comissão Organizadora têm o prazer de convidá-lo a participar no 9o Congresso Rodoviário Português, que se realizará em Lisboa, de 28 a 30 de Maio de 2019.

Todos os interessados poderão submeter resumos de trabalhos no âmbito dos temas propostos, com o máximo de uma página, que deverão ser submetidos eletronicamente, seguindo o procedimento indicado no sítio do Congresso (9crp.lnec.pt).

  

ENQUADRAMENTO E OBJETIVOS

Nos últimos 20 anos, o Congresso Rodoviário Português constituiu-se numa oportunidade única para o encontro de gestores, técnicos, docentes, investigadores e outros stakeholders do setor das infraestruturas de transportes, num ambiente propício à partilha de experiências e ao estabelecimento de sinergias na procura de soluções para os novos desafios que se vão colocando ao setor em todos os países.

Nesta 9a edição do Congresso, salientamos a participação do Brasil como País convidado. Para além da delegação do Brasil, que se espera expressiva, contamos também com a participação de delegados provenientes de outros países de língua portuguesa, à semelhança do que aconteceu nos últimos Congressos organizados pelo CRP.

O Lema deste Congresso - Importância de boas práticas – tem como objetivo dar relevância a uma forma de estar que é desejável incentivar em todos os intervenientes no setor consubstanciada na necessidade de selecionar e implementar as melhores práticas em todas as atividades a realizar em cada uma das fases do ciclo de vida das infraestruturas. É através da adoção das melhores práticas que as Concessionárias, as Empresas e as Instituições Públicas do sector podem melhorar a eficiência e ser mais competitivas.

Em Portugal, as redes Rodoviária e Ferroviária encontram-se em fases distintas do seu ciclo de vida, o que aponta para a necessidade da discussão das questões técnicas relevantes referentes a boas práticas a adotar em cada uma dessas fases. Para o caso da Rede Rodoviária, o principal foco será a Manutenção de Pavimentos, ao passo que para a Ferrovia, o objetivo prioritário é a discussão da reabilitação das linhas, e em particular das respetivas plataformas.

Com efeito, a Rede Rodoviária Nacional necessita fundamentalmente de atividades de Operação e Manutenção por parte das Concessionárias a quem estão atribuídas essas tarefas. Na verdade, a rede foi construída essencialmente a partir da adesão de Portugal à UE (1986). Torna-se particularmente oportuna e relevante a discussão de aspetos incluídos nos sistemas de gestão da conservação da infraestrutura (pavimentos, terraplenagem, sistema de drenagem, equipamentos de sinalização e segurança, obras de arte, túneis, etc.). Dada a importância que o estado dos pavimentos tem para a circulação dos veículos – nomeadamente no que respeita à segurança e ao conforto - é particularmente oportuna a discussão das técnicas aplicáveis à conservação dos pavimentos, incluindo as que são utilizadas com carácter preventivo e com carácter corretivo. Uma tal discussão será de grande utilidade para as entidades responsáveis pela O&M das redes, nomeadamente Concessionárias, e também para os Projetistas e Empresas intervenientes nas obras de Manutenção, permitindo tomar contacto com as melhores práticas a adotar, para posteriormente as selecionar e implementar.

A Rede Ferroviária, construída maioritariamente na segunda metade do Século XIX, tem uma Concessionária, a Infraestruturas de Portugal, e desde 2016 está a ser objeto de importantes obras de renovação. Entre os objetivos dessa renovação inclui-se a promoção do transporte de mercadorias através da ferrovia, implicando um investimento superior a € 2,75 biliões. Atenta a influência determinante que tem a plataforma onde apoia a superestrutura ferroviária (balastro, travessas e carris) nas condições da circulação, a discussão sobre boas práticas de reabilitação da plataforma é particularmente oportuna.

À semelhança do que aconteceu no congresso anterior, e atento o favorável acolhimento a tal decisão, a Comissão Organizadora manteve a ferrovia nos temas do Congresso. O objetivo é o de fomentar a discussão de questões científicas e técnicas comuns aos dois modos de transporte, nomeadamente relativas a procedimentos para a caracterização e análise do estado da infraestrutura, a materiais e processos construtivos, e incluindo o fomento da inovação tecnológica, sustentada em projetos de investigação aplicada que tenham em conta as especificidades dos dois tipos de infraestruturas.

A Comissão Organizadora está a desenvolver um conjunto de ações, a começar por uma criteriosa seleção de temas e tópicos, visando estimular uma participação ativa do meio técnico de Portugal e de todos os países que integram a CPLP, quer através da apresentação de comunicações quer através da sua participação no Congresso, em Maio de 2019.

Em síntese, pode dizer-se que o Congresso está a ser organizado com o objetivo de proporcionar a todos os participantes um agradável convívio, que estimule uma ampla e aberta troca de conhecimentos e de experiências numa área pluridisciplinar de atividade tão importante para o desenvolvimento económico e para o bem-estar social, como é a do transporte terrestre.

ORGANIZAÇÃO, PROGRAMA PRELIMINAR, TEMAS, DATAS E PUBLICAÇÔES

O Congresso será organizado em Sessões Plenárias, onde serão proferidas conferências por especialistas nacionais e estrangeiros e Sessões Paralelas. Algumas destas serão destinadas à apresentação e discussão dos trabalhos selecionados (sessões de comunicações), estando prevista a organização de outras sobre tópicos considerados de interesse (sessões dedicadas), nomeadamente por parte de Empresas e de Associações do sector.

Durante o Congresso decorrerá uma Exposição Técnica (Materiais, Equipamentos, Empresas, Associações, etc.). Haverá espaço interior para stands e exterior para Equipamentos.


TEMAS DO CONGRESSO

1 - Atividades de Engenharia de Infraestruturas de Transporte em Países da CPLP 2 - Mobilidade, Acessibilidade e Valorização do Território
3 - Segurança Rodoviária
4 - Ambiente e Sustentabilidade
5 - Operação e Manutenção de Infraestruturas de Transportes, incluindo Reabilitação 6 - Pontes e Túneis rodoviários e ferroviários: Operação, Manutenção e Reabilitação 7 – Veículos e Sistemas de Transporte Inteligentes

DATAS A RETER
Entrega dos resumos: até 15 de Novembro de 2018Comunicação da aceitação: até 15 de Dezembro de 2018Entrega dos trabalhos: até 31 de Janeiro de 2019Apreciação da Comissão de Revisão: até 15 de Março 2019Reapresentação das comunicações: até 15 de Abril de 2019

DISTRIBUIÇÃO DAS COMUNICAÇÕES E DOS SUMÁRIOS EXECUTIVOS

A Comissão Organizadora editará em suporte digital as comunicações aceites, desde que o pagamento da inscrição de pelo menos um dos autores esteja garantido até 30 de Abril de 2019, e promoverá a edição em papel (A5) dos resumos executivos. Ambas as edições serão distribuídas aos participantes no início do Congresso.



Consulte toda a informação detalhada no site do Congresso:

CRP – Centro Rodoviário Português
Engo António Pinelo | Dra. Vera Pinto
Praça de Alvalade, nº6 – 2ºFrt. – Sala 3
1700 – 036 Lisboa
Tel.:+351 217816000 | Fax:+351217816009
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

LNEC | Apoio à Organização de Reuniões
Av. do Brasil 101 | 1700 – 036 Lisboa
Tel.: +351 21 844 34 83 | Fax: +351 21 844 30 14
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Visualizações : 116

SIGA-NOS

Facebook    LinkedIn   YouTube

ENVIE UM EMAIL

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

LIGUE-NOS

Tel. (+351) 213 104 166
Fax (+351) 217 816 009

ONDE ESTAMOS

Av. da República, 6 - 7º Esq
1050 - 191 Lisboa, Portugal

PARCEIROS

ITS Nationalsertico